No olho do furacão, coronavírus abala as estruturas do mundo que conhecemos

Quem esperava? Quem não foi pego de surpresa? A vida seguia seu curso e as coisas já não estavam fáceis, economicamente falando, mas em março descobrimos que poderia piorar e piorou muito. Pessoas morrendo mundo afora, quarentena, mundo parado, eventos cancelados. Tudo fechado. Pra onde vamos? Como trabalhar? Temos que nos adaptar. Ficar em casa ou trabalhar? O mundo se dividiu então assim seguiu-se os dias. E não melhora, governo promete uma ajuda que é lenta, demora pra chegar a quem precisa. Ainda estamos no olho do furacão, o comércio (talvez) possa começar a pensar em abrir a partir de 11/05, mas nada é certo, existem muitas indefinições  sobre esse assunto. E mesmo que abra parece que teremos muitas mudanças, tanto nas leis quanto no comportamento humano. Estamos em uma estrada que não sabemos onde vai dar. Mas o importante é seguir em frente e agora com cautela. Essa pandemia vai passar e nós vamos nos lembrar desses dias, de como foram difíceis, mas também que superamos e aprendemos muito com tudo isso.

Compartilhe

Copyright © Circuito das Águas - Tudo num único lugar